GAROTA SOMBRIA PASSEIA PELA NOITE - ENTRE O FILME DE AMIRPOUR E O IMAGINÁRIO DE OTRANTO

Maria Cristina Ribas, Fernando Monteiro de Barros

Resumo


Este trabalho apresenta algumas considerações sobre o filme Garota sombria caminha pela noite (Ana Lily Amirpour, 2014), baseadas nos conceitos de transposição midiática (Rajewsky, 2012), modernidade e fantasmagoria (Benjamin, 2006) e Gótico (Botting, 2014). As múltiplas referências que se entrecruzam no filme parecem encenar não apenas a justaposição de culturas e mídias, mas também as próprias contingências da modernidade.


Palavras-chave


transposição midiática, modernidade e fantasmagoria, gótico, Imaginário de Otranto, Ana Lily Amirpour

Texto completo:

PDF HTML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



A Revista Brasileira de Literatura Comparada está indexada nas seguintes bases:


Revista Brasileira de Literatura Comparada, ISSN 0103-6963, ISSN 2596-304X (on line)

Licença Creative Commons
Esta revista utiliza uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.