REFLECTIONS ON ENGLISH AS AN ACADEMIC SUBJECT IN CHINA

Ruan Wei

Resumo


Este artigo faz uma breve análise da história do inglês como matéria acadêmica na China, enfocando a importância primordial atribuída pela China ao ensino e aprendizado de línguas estrangeiras em geral e de inglês em particular. Argumenta-se que a China é provavelmente o único caso na história humana em que um imenso Estado soberano investe esforços sistemáticos e contínuos em aprender uma língua estrangeira, formulando políticas linguísticas unificadas e fazendo-as cumprir de uma maneira consistente e potente; e, ao agir assim, a China teve sucesso em tornar o mundo externo transparente e traduzido para ela em um curto espaço de tempo, integrando todos os tipos de conhecimento novo em seu sistema cognitivo, ampliando seu horizonte e transformando as mentes de sua população, efetuando deste modo uma metamorfose civilizatória generalizada.

Palavras-chave


inglês, matéria acadêmica, compulsória, metamorfose civilizatória

Texto completo:

PDF (English)
11 visualizações.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



APOIO:


A Revista Brasileira de Literatura Comparada está indexada nas seguintes bases:


Rev. Bra. Lit. Comp. Niterói, v.22, n.39, jan. / abr. 2020

Revista Brasileira de Literatura Comparada, ISSN 0103-6963, ISSN 2596-304X (on line)

Licença Creative Commons
Esta revista utiliza uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0).

Wildcard SSL Certificates