CARMEN, DO ESTEREÓTIPO AO DESAFIO: A PERSONAGEM PARA ALÉM DA OBRA DE PROSPER MÉRIMÉE

SUELENY RIBEIRO CARVALHO

Resumo


Este artigo pretende discutir a possibilidade de subversão dos estereótipos atribuídos à mulher por meio da análise da representação da personagem Carmen entre o texto fonte e as adaptações cinematográficas inspiradas na narrativa de Mérimée e/ou na opera de Bizet a fim de perceber os mecanismos utilizados para a construção da personagem a partir de Uma teoria da adaptação de Hutcheon além de outros autores.

Palavras-chave


Literatura, cinema, representação, estereótipos, subversão dos estereótipos.

Texto completo:

PDF
652 visualizações.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



APOIO:


A Revista Brasileira de Literatura Comparada está indexada nas seguintes bases:


Revista Brasileira de Literatura Comparada, ISSN 0103-6963, ISSN 2596-304X (on line)

Licença Creative Commons
Esta revista utiliza uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0).

Wildcard SSL Certificates