Editorial

Editorial

Maria Alice Gonçalves Antunes[*]

[*] Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).


O presente volume da Revista Brasileira de Literatura Comparada solicitou o envio de artigos inéditos na área dos Estudos da Tradução. Entre os tópicos especificados em sua chamada, estavam as questões em tradução literária, reflexões teóricas em tradução, questões de tradução em um mundo globalizado e os estudos interdisciplinares em literatura, cultura e tradução.

Apresentamos aqui colaborações que, decerto, refletem discussões atuais relevantes da área dos Estudos da Tradução no Brasil e no mundo: uma profunda e elaborada discussão teórica acerca da sociologia da tradução, por Lana Araújo e Marcia Martins; uma reflexão sobre as fronteiras dos Estudos Literários e dos Estudos da Tradução na atualidade, para constatar a ressignificação da ideia de Literatura Mundial, no artigo de Alice Ferreira e Tarsilla Brito; um debate sobre o papel das mulheres tradutoras no século XIX, por Dennys Silva-Reis e Luciana Fonseca; a situação da literatura negra feminina de língua inglesa no Brasil, por Norma Hamilton; detalhes sobre o trabalho do tradutor, com a apresentação de investigação minuciosa por María Florencia Saracino; um estudo de caso de autotradução (João Ubaldo Ribeiro).

Pretendemos, portanto, contribuir para o debate na área dos Estudos da Tradução. Assim, apoiaremos o crescimento da área, mas também e, em especial, o fortalecimento desse campo de estudos ao abrir a Revista Brasileira de Literatura Comparada à publicação de estudos inéditos de tão ampla relevância.

Para terminar, publicamos as intervenções, a convite, dos atuais presidente e vice-presidente da ABRALIC no congresso da Associação Americana de Literatura Comparada, realizado na Universidade da Califórnia Los Angeles, em 2018, e, last but not least, contribuimos para a divulgação de documentos importantes e inéditos no Brasil, ao reproduzirmos neste número o parecer de entrada de Machado de Assis na Academia de Ciências de Lisboa, com uma nota introdutória da pesquisadora Valdiney Valente Lobato de Castro.

Boa leitura!


46 visualizações.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



APOIO:


A Revista Brasileira de Literatura Comparada está indexada nas seguintes bases:


Revista Brasileira de Literatura Comparada, ISSN 0103-6963, ISSN 2596-304X (on line)

Licença Creative Commons
Esta revista utiliza uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0).

Wildcard SSL Certificates